Como melhorar a absorção de ferro para combater a anemia

Para melhorar a absorção de ferro no intestino, deve-se usar estratégias como comer frutas cítricas, como laranja, abacaxi, goiaba e acerola, juntamente com alimentos ricos em ferro e evitar o uso frequente de medicamentos antiácidos, já que a absorção de ferro acontece melhor em ambiente ácido.

A absorção do ferro é mais fácil quando ele está na forma "heme", que é aquele presente nos alimentos de origem animal como carne, fígado e gema de ovo. Alguns alimentos de origem vegetal como tofu, couve e feijão, também contêm ferro, mas é do tipo não-heme, que o intestino absorve, mas em menores quantidades.

Por isso, além da ingestão de alimentos ricos em vitamina C, é importante que os alimentos fonte de ferro de origem vegetal e animal sejam incluídos na alimentação do dia a dia para que se tenha quantidades ideais de ferro no organismo.

Como melhorar a absorção de ferro para combater a anemia

Algumas das principais dicas que podem ajudar a aumentar a absorção de ferro no organismo são:

1. Aumentar o consumo de alimentos ricos em vitamina C

Tomar o suplemento de ferro ou consumir o alimento fonte de ferro juntamente com alimentos ricos em vitamina C ajuda a aumentar a absorção de ferro no organismo, pois a vitamina C atua como facilitadora, favorecendo a biodisponibilidade do ferro ingerido.

Assim, é recomendado que o suplemento de ferro ou alimento fonte desse mineral seja ingerido juntamente com um suco de acerola ou laranja, goiaba, ou até mesmo saladas, uma vez que muitos vegetais, como o tomate, o alface e a rúcula também são fontes de vitamina C. Confira uma lista dos alimentos ricos em vitamina C.

2. Ter uma dieta rica em ferro

Para se ter uma maior absorção de ferro no organismo, é importante também aumentar o consumo de alimentos ricos nesse mineral, como carne vermelha, mariscos, atum, espinafre, brócolis e sementes de abóbora, por exemplo. Conheça outros alimentos ricos em ferro.

Além disso, é importante que a quantidade dos alimentos fonte de ferro seja indicada por um nutricionista, visando garantir a absorção adequada de ferro. Isso porque apenas 5% do ferro presente nos alimentos de origem vegetal e até 30% do ferro presente nos alimentos de origem animal são absorvidos pelo organismo.

3. Evitar o consumo excessivo de leite e derivados

Para aumentar a absorção de ferro, é recomendado evitar o consumo excessivo de leite e derivados, como iogurte e queijos. da mesma fora que deve-se evitar comer estes alimentos juntamente com os alimentos fonte de ferro ou suplemento, pois o cálcio diminui a absorção do ferro no intestino.

4. Tomar probiótico

O consumo de probióticos também é importante para aumentar a absorção de ferro, pois os probióticos ajudam a manter a flora intestinal equilibrada, facilitando a absorção de nutrientes, incluindo o ferro. Além disso, os probióticos ajudam também a prevenir alguns efeitos colaterais do uso de suplemento de ferro, principalmente a prisão de ventre.

Assim, é recomendado que o consumo de alimentos probióticos, como o kefir, o iogurte natural ou o leite fermentado façam parte do dia a dia. O uso de suplementos probióticos, indicados por um nutricionista também pode ser interessante. Dessa forma é possível não só favorecer a absorção de ferro, outras vitaminas e minerais, mas também melhorar o sistema imunológico e facilitar a digestão. Veja mais sobre os probióticos e os benefícios para a saúde.

5. Evitar usar medicamentos antiácidos

Os medicamentos antiácidos, como hidróxido de magnésio, carbonato de cálcio, bicarbonato de sódio ou hidróxido de magnésio, neutralizam a acidez do estômago, diminuindo a absorção do ferro dos alimentos ou suplementos. Para ajudar na absorção do mineral e combater a anemia, é importante evitar o uso de antiácidos, pois o ferro precisa do ácido do estômago para ser absorvido.

Confira no vídeo a seguir mais informações sobre como aumentar a absorção de ferro e, assim, combater a anemia mais rapidamente:

Esta informação foi útil?
Atualizado por Karla S. Leal, Nutricionista - em Setembro de 2021. Revisão clínica por Tatiana Zanin, Nutricionista - em Setembro de 2021.

Bibliografia

  • PROTOCOLO CLÍNICO E DIRETRIZES TERAPÊUTICAS. Anemia por deficiência de ferro. 2014. Disponível em: <https://portalarquivos.saude.gov.br/images/pdf/2014/dezembro/15/Anemia-por-Defici--ncia-de-Ferro.pdf>. Acesso em 01 Set 2021
Mais sobre este assunto: