Avitaminose (falta de vitaminas): o que é, sintomas e tratamento

A avitaminose é a falta de vitaminas no corpo e normalmente é causada quando se tem uma alimentação inadequada, consumindo baixa quantidade de vitaminas. Também pode acontecer quando se consome boas quantidades, mas o organismo não consegue absorver bem as vitaminas dos alimentos ou suplementos, em casos alterações intestinais como a diarreia ou uso medicamentos que atrapalham a absorção das vitaminas.

A melhor maneira de se consumir todas as vitaminas necessárias para o bom funcionamento do corpo é fazer uma alimentação saudável e variada, de preferência incluindo frutas e legumes frescos e orgânicos. Mas, a suplementação de vitaminas pode ser uma alternativa para tratar a falta de vitaminas (avitaminose) e suas complicações. Importante lembrar que o consumo de suplementos vitamínicos não deve substituir uma alimentação balanceada e também não deve ser consumido sem orientação e supervisão médica.

Avitaminose (falta de vitaminas): o que é, sintomas e tratamento

Doenças causadas pela falta de vitaminas (avitaminose) 

A falta de vitaminas no organismo, pode levar ao surgimento de várias doenças, e os sintomas variam de acordo com o tipo de vitamina que está em falta e do nível da carência dessa vitamina.

Falta de vitamina D

A vitamina D no organismo fica baixa quando se pega pouco sol, pois os raios solares são a principal fonte para produção desta vitamina no corpo. Além do sol, o baixo consumo de alimentos como salmão, sardinha, leite e derivados também podem causar a falta desta vitamina. 

Sintomas: a deficiência da vitamina D pode causar dor nos ossos e músculos, assim como fraqueza nos músculos dos braços. Já em crianças, a baixa da vitamina D pode prejudicar o crescimento. 

Tratamento: para melhorar os níveis da vitamina D no corpo, normalmente é feita suplementação da vitamina. Além disso, é importante consumir alimentos com boas quantidades de vitamina D, como leite e derivados, óleo de fígado de peixes e ostras. A prática de atividades físicas ou de lazer ao ar livre por pelo menos 15 minutos, com as pernas e braços expostos ao sol todos os dias também é recomendada. Saiba como aumentar a produção de vitamina D no corpo. 

Avitaminose (falta de vitaminas): o que é, sintomas e tratamento

Falta de vitamina C

A baixa ingestão de alimentos fontes de vitamina C, levam à baixa desta vitamina no organismo. Além disso, em fumantes a necessidade da vitamina é maior e quando se tem diarreia, se elimina muito essa vitamina pelas fezes, causando a redução da vitamina C no organismo.

Sintomas: os sintomas mais comuns são gripes e resfriados frequentes, sangramento e manchas avermelhadas na pele. A deficiência grave de vitamina C causa o escorbuto, uma doença onde os sintomas geralmente são fraqueza, redução da fome, anemia e sangramento, inflamação e inchaço nas gengivas, podendo causar também a perda dos dentes.

Tratamento: normalmente se faz utilização de suplementos e é importante aumentar o consumo de vegetais ricos em vitamina C, como laranja, caju, acerola, mamão, manga e brócolis. Confira outros alimentos ricos em vitamina C.

Falta de vitamina A

A falta da vitamina A pode acontecer em bebês, quando a mãe tem deficiência da vitamina durante a gravidez ou quando o bebê não amamenta. Já em adultos, a deficiência pode acontecer por causa de diarreia, por exemplo, diminuindo a absorção da vitamina ou pelo baixo consumo de alimentos fontes da vitamina, como leite e derivados, folhas de cor verde-escura, frutas amarelas ou óleos vegetais.

Sintomas:  a falta da vitamina A pode causar infecções, resfriados e gripes, pele e olhos secos, anemia, dificuldade de enxergar à noite, e em casos mais graves, a perda total da visão.

Tratamento: A falta desta vitamina no organismo é tratada com suplementação de vitamina A em altas doses. Além dos suplementos, é importante aumentar o consumo de alimentos ricos em vitamina A, como vegetais verdes e frutas e vegetais de cor amarelo-alaranjados. Veja quais são os alimentos ricos em vitamina A.

Falta de vitamina E

A falta de vitamina E no organismo é muito rara e acontece em crianças abaixo do peso ou em pessoas que têm problemas para absorverem gordura dos alimentos, como acontece nos casos de diarreia, pois esta vitamina precisa da gordura dos alimentos para ser usada no corpo.

Sintomas: a falta desta vitamina no corpo é muito rara e, quando acontece, pode levar a alterações em alguns nervos do corpo, causando formigamentos, fraqueza muscular e problemas na visão. 

Tratamento: a suplementação com altas quantidade de vitamina E e o consumo de alimentos ricos em vitamina E, como azeite de oliva, semente de girassol, avelã e cereais integrais, são importantes para aumentar os níveis desta vitamina no organismo. Conheça 21 alimentos ricos em vitamina E.

Avitaminose (falta de vitaminas): o que é, sintomas e tratamento

Falta de vitamina K

A vitamina K baixa no organismo é muito rara e, quando acontece, pode ser causada pelo uso de alguns medicamentos como antibióticos e anticoagulantes, pelo baixo consumo de alimentos fonte da vitamina ou por problemas de saúde que diminuem a absorção da vitamina, como gastrite, câncer e alcoolismo.

Sintomas: a falta desta vitamina no organismo pode diminuir a coagulação do sangue,  aumentando as chances de se ter hemorragia, que é causada quando as veias do corpo estouram.

Tratamento: o consumo de alimentos ricos em vitamina K, como os vegetais folhosos verde escuros: brócolis, espinafre  e alface, cenoura, ovos e leite e derivados, é fundamental para aumentar os níveis desta vitamina no corpo. Veja outros alimentos fonte de vitamina K.

Falta de vitaminas do complexo B

A falta das vitaminas do complexo B acontece principalmente quando se consome poucos alimentos que sejam fontes dessas vitaminas ou quando se está abaixo do peso. Mas algumas situações específicas podem levar a carência destas vitaminas.

O consumo frequente de bebidas alcoólicas, dieta rica em carboidratos, diarreia e vômitos diminuem a absorção da vitamina B1 e B7 no organismo. A falta da vitamina B9 é comum, pois muitos medicamentos diminuem a absorção da vitamina, além de a gravidez, a amamentação e doenças como leucemia, aumentarem as necessidades desta vitamina. 

Apesar da carência de vitamina B12 ser rara, em vegetarianos, veganos e na gastrite, a falta desta vitamina no organismo é mais comum.  Já a falta da vitamina B8 pode acontecer quando há alteração no funcionamento do fígado, em casos de muita gordura no fígado, por exemplo.

Sintomas: a falta de vitaminas do complexo B normalmente causa sintomas como irritação, cansaço, ansiedade, queda de cabelo, insônia e inflamações nas pele, olhos e boca. 

Porém, a falta de algumas vitaminas específicas pode gerar complicações mais graves à saúde. Por exemplo, a falta excessiva da vitamina B1 pode causar beribéri, uma doença que causa sintomas como são inchaço das pernas, dormência, dificuldades em respirar e problemas no coração. Já a falta elevada de vitamina B3 causa a pelagra, uma doença que causa diarreia, inflamação na pele e demência.

A diminuição da vitamina B9 em gestantes, pode levar a complicações como abortos, sangramentos e pré-eclâmpsia, que é quando a mãe tem pressão.

A falta da vitamina B12 pode causar depressão, anemia, fraqueza, tonturas e alterações graves no sistema nervoso, como alucinações e perda de memória.

Tratamento: a suplementação com as vitaminas do complexo B e o consumo de alimentos que são fontes destas vitaminas, como carnes, peixes e vegetais, ajudam a equilibrar os níveis da vitamina no organismo e evitar complicações. Conheça quais alimentos são fonte de vitaminas do complexo B.

Exames para confirmar a falta de vitaminas

Para diagnosticar doenças ligadas à avitaminose, além dos sintomas e história clínica do paciente, existem exames clínicos para identificar exatamente qual é a vitamina em falta no organismo. 

Exames de sangue e de urina são os mais utilizados para avaliar a falta de vitaminas no organismo. Em alguns casos, exames de imagem também podem ser usados para avaliar alterações no sistema nervoso ou ossos. A  única que não tem um exame específico para diagnosticar a falta no organismo, é a vitamina B5.

O ideal é sempre consultar um médico para que se avalie os sintomas e identifique qual a vitamina que está em falta e também um nutricionista, para criar um plano alimentar, com ou sem a ajuda de suplementos, que permita reverter a falta da vitamina.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • RODRIGUES, P Ana et al. Vitaminas Hidrossolúveis. Revista Saberes. 3. especial.ed; 78-82, 2015
  • CADERNOS DE ATENÇÃO BÁSICA. Carências de micronutrientes. 2007. Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cadernos_atencao_basica_carencias_micronutrientes.pdf>. Acesso em 07 Mai 2021
  • SAÚDE NAVAL- MARINHA DO BRASIL. Cartilha de nutrição - alimentação saudável. Disponível em: <https://www.marinha.mil.br/saudenaval/sites/www.marinha.mil.br.saudenaval/files/cartilha_nutricao.pdf>. Acesso em 06 Mai 2021
  • COZZOLINO Silvia. Biodisponibilidade de nutrientes. 4º. Brasil: Manole Ltda, 2012. 330-605.
  • CHAWLA, Jasvinder; KVARNBERG, David. Hydrosoluble vitamins. Handbook of Clinical Neurology. vol.120. 891-914, 2014
Mais sobre este assunto: