Desenvolvimento do bebê com 18 meses: peso, sono e alimentação

O bebê com 18 meses gosta de brincar com outras crianças e geralmente já anda sozinho, corre, consegue chutar uma bola, e sobe e desce escadas sem grandes dificuldades. Nesta fase o bebê também já aponta para o que quer, entende tudo o que lhe dizem e consegue falar mais palavras simples, como “tasa” (casa), “aga” (água) ou “tato” (pato).

O sono do bebê aos 18 meses tende a ser tranquilo, mas algumas crianças podem querer continuar brincando depois da hora de dormir, pedir a companhia dos pais, ou responsáveis, ou ainda acordar durante a noite.

Aos 18 meses o bebê já possui dentes, o que torna mais fácil a mastigação de alimentos mais sólidos além de conseguir pegar bem na colher e no copo, conseguindo se alimentar sozinho. No entanto, nesta fase a criança tende a recusar alguns alimentos, sendo importante variar as formas de preparo e repetir a oferta dos alimentos para que ela se acostume.

Vale lembrar que as características de sono, a fala, as brincadeiras favoritas e a alimentação acontecem em ritmos diferentes para cada bebê. Por isso, em casos de dúvidas sobre o desenvolvimento do bebê, é recomendado realizar uma consulta com o pediatra.

Desenvolvimento do bebê com 18 meses: peso, sono e alimentação

Peso do bebê

A tabela abaixo indica o intervalo de peso ideal do bebê para esta idade, assim como outros parâmetro importantes como altura e perímetro cefálico, de acordo com a Organização Mundial de Saúde:

Meninos

Meninas

Peso para idade

8,8 a 13,7 kg

8,1 a 13,2 kg

Altura para idade

78,8 e 90 cm

76,8 e 88,7 cm

Perímetro cefálico

45 a 50,4 cm

43,7 a 49,4 cm

Ganho de peso mensal

200 g

200 g

Caso o bebê apresente valores acima ou abaixo desses intervalos, é importante passar por uma consulta com o pediatra para avaliar o desenvolvimento da criança.

Sono do bebê

Geralmente o bebê aos 18 meses tem uma boa noite de sono, variando entre 11 e 13 horas. Mas em alguns momentos ele quer continuar a brincar na hora de deitar. Por isso, é importante que os pais ou responsáveis conversem com voz calma e tranquila, explicando com firmeza, mas sem brigar, que está na hora de dormir.

Para ajudar a criança com dificuldades de pegar no sono, pode-se criar uma rotina noturna, como dar o jantar, após dar banho na criança, e diminuir os ruídos e a iluminação na casa. Isto permite que aos poucos se vá acalmando o bebê além de criar uma boa “higiene do sono”. Veja mais dicas para ajudar o bebê a dormir.

Além de estimular o sono do bebê, é importante evitar atividades que estimulem a criança perto da hora de dormir, como assistir televisão, mexer no celular ou deixar a luz acessa, por exemplo. caso a criança não queira dormir, pois quer continuar a brincar ou esteja mais ativa, é importante acolher e acalmar a criança, tentando saber o que acontecer.

Alimentação do bebê com 18 meses

O bebê com 18 meses já pode comer as mesmas refeições da família, devendo fazer 6 refeições ao dia, incluindo 3 papas de frutas frescas divididas entre o café da manhã, os lanches da manhã e da tarde, e 2 papas "salgadas", feitas com vegetais, cereais ou tubérculos, leguminosas e proteínas, no almoço e no jantar, como explicado a seguir:

  • Café da manhã: ½ porção de fruta fresca + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral; ou cereais, como pão, aveia e cuscuz de milho + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral; ou raízes e tubérculos, como aipim, batata-doce e inhame + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral;
  • Lanche da manhã: 1 porção de fruta;
  • Almoço e jantar: 1 colher de sopa de cereais, como arroz ou macarrão, ou tubérculos, como inhame e batata doce + 2 colheres de sopa de vegetais, como chuchu, tomate e espinafre + 2 colheres de sopa de leguminosas, como feijão fradinho + 1 colher de sopa de proteína, como carne, peixe ou ovo;
  • Lanche da tarde: ½ porção de fruta fresca + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral; ou cereais, como pão, aveia e cuscuz de milho + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral; ou raízes e tubérculos, como aipim, batata-doce e inhame + leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral;
  • Ceia: leite materno ou 200 ml de leite de vaca integral.

O bebê aos 18 meses ainda precisa do leite materno, que deve ser oferecido junto com as papas de frutas e sob livre demanda, que é quando o bebê quiser mamar.

Para os bebês que não mamam no peito, a Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que seja oferecido leite de vaca integral junto com as papas de frutas, por ser uma bebida rica em cálcio, um mineral importante para a formação dos ossos e dentes. Mas deve ser dado somente num total de 600 ml por dia, pois o cálcio em excesso também pode atrapalhar a absorção de ferro da alimentação.

Ingestão de água por dia

A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que sejam ofertados 1,3 litros de água por dia para o bebê aos 18 meses. Nesses 1,3 litros deve ser contada a quantidade de água presente no leite materno, no leite de vaca, a água usada em preparações como sopas ou ensopados e a água pura.

É importante que a água pura seja sempre filtrada ou fervida, devendo ser dada em um copo ou xícara, distribuída ao longo do dia e entre as refeições do bebê.

Desenvolvimento do bebê

O bebê com 18 meses gosta de brincar com outras crianças e geralmente já anda sozinho, corre, consegue chutar bola, além de subir e descer escadas sem grandes dificuldades. Nesta fase, o bebê já tem uma visão muito boa e aponta para o que quer.

Agora o bebê já entende tudo o que lhe dizem e sabe falar cerca de 10 a 12 palavras simples, incluindo “mamã”, "água" (água) e papá. Para ajudar o bebê a falar outras palavras, pode-se mostrar um objeto e dizer como ele se chama. Por exemplo, quando vir um cachorro, deve-se apontar para o animal e dizer o nome - “cachorro”, ou ainda mostrar nos livros e revistas outras coisas como “flor”, “árvore” ou “bola”.

Nesta fase, a criança é muito ativa e está sempre em busca de brincadeiras e, por isso, não deve ser deixada sozinha porque pode abrir gavetas para subir e chegar ao brinquedo que deseja, podendo ser perigoso. Da mesma forma que não deve ser deixada sozinha na piscina, na banheira ou perto de um balde com água.

Como o bebê já sabe subir em sofás e cadeiras, é também importante que fique longe de janelas, sendo interessante colocar grades ou telas de proteção para evitar acidentes.

Brincadeiras e atividades para o bebê

Os bebês aos 18 meses gostam de brincar e descobrir o próprio corpo e as brincadeiras promovem alegria, desafios a serem superados, além de ajudar a desenvolver a curiosidade, a confiança e a criatividade.

Algumas brincadeiras para divertir e estimular o desenvolvimento intelectual e motor do bebê são as que incluem jogos de imitação, brincadeiras de roda, imitar sons e palavras, e teatro de fantoches.

As brincadeiras simples na natureza, como pegar folhas de árvore no chão, brincar na chuva e na lama ou brincar com gravetos ajudam o bebê a ser mais criativo, a melhorar a conexão e respeito pela natureza, além de ajudar no fortalecimento da visão e dos sistemas de defesa do organismo.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Longitud/estatura para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/height_for_age/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Perímetro cefálico para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/hc_para_edad/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Peso para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/peso_para_edad/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Gráficos de Crescimento. Disponível em: <https://www.sbp.com.br/departamentos-cientificos/endocrinologia/graficos-de-crescimento/>. Acesso em 07 Set 2021
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE, DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA, COORDENAÇÃO-GERAL DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO. Guia alimentar para crianças menores de 2 anos. 2018. Disponível em: <https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/julho/12/Guia-Alimentar-Crianca-Versao-Consulta-Publica.pdf>. Acesso em 07 Set 2021
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Qual a quantidade de água que bebês e crianças precisam tomar?. 2018. Disponível em: <https://www.sbp.com.br/imprensa/detalhe/nid/qual-a-quantidade-de-agua-que-bebes-e-criancas-precisam-tomar/>. Acesso em 07 Set 2021
  • FUNDAÇÃO MARIA CECÍLIA SOUTO VIDIGAL. Fundamentos do desenvolvimento infantil: da gestação aos 3 anos. 2011. Disponível em: <http://agendaprimeirainfancia.org.br/arquivos/Fundamentos_do_desenvolvimento%20infantil.pdf>. Acesso em 07 Set 2021
Mais sobre este assunto: