Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

4 remédios caseiros para corrimento vaginal

O corrimento vaginal pode ser tratado naturalmente com o uso do chá de folhas de goiabeira e através de uma alimentação adequada, pois isso ajuda a flora vaginal a voltar ao normal. No entanto, caso o corrimento persista mesmo após 3 dias de tratamento caseiro, é aconselhado ir ao ginecologista.

Além disso, durante o tratamento caseiro para corrimento vaginal, deve-se usar camisinha em todas as relações sexuais para evitar a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis. Veja o que fazer se teve relação sexual sem camisinha.

1. Banho de assento com chá de goiabeira

4 remédios caseiros para corrimento vaginal

Um ótimo remédio caseiro para acabar com o corrimento vaginal do tipo amarelo-esverdeado e com mau cheiro ou corrimento branco tipo leite coalhado, são as folhas de goiabeira, conhecida pelo nome científico Psidium guajava L., já que possui propriedades antissépticas e antibacterianas, sendo eficaz no tratamento do corrimento causado por doenças como tricomoníase e candidíase.

Ingredientes

  • 30 g de folhas de goiabeira;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Ferver a água, desligar o fogo e depois acrescentar a erva e abafar durante 3 a 5 minutos. Depois, coar e fazer um banho de assento com esse chá, lavando cuidadosamente toda a região genital. Repetir o procedimento de 2 a 3 vezes ao dia.

Além disso, o remédio caseiro é seguro e não causa efeitos colaterais, nem possui contraindicações.

2. Chá de goiabeira e vassourinha-doce

4 remédios caseiros para corrimento vaginal

Assim, como as folhas de goiabeira, a vassourinha-doce possui propriedades antissépticas, além de ser diurética, ajudando a combater a causa do corrimento.

Ingredientes

  • 1 punhado de folhas de goiabeira;
  • 1 punhado de folhas de vassourinha-doce;
  • 2 copos de água.

Modo de preparo

Colocar as folhas de goiabeira e de vassourinha-doce em um recipiente e adicionar água fervida. Tampar, deixar esfriar e coar.

Fazer a higiene íntima normalmente e, quando acabar, lavar o local com a infusão durante alguns minutos. Secar com um pano limpo e macio. Deve-se repetir a lavagem todos os dias antes de ir deitar, durante 1 semana.

3. Chá de alho

4 remédios caseiros para corrimento vaginal

O alho tem excelentes propriedades antibacterianas, antifúngicas e antivirais, ajudando a combater principalmente a candidíase e a vaginite bacteriana.

Ingredientes

  • 1 dente de alho;
  • 200 mL de água.

Modo de preparo

Acrescentar o alho picado ou amassado em água fervente e deixar por cerca de 5 a 10 minutos. Retirar do fogo e beber, ainda quente, 2 vezes por dia. Para melhorar o sabor do chá, pode acrescentar gengibre ralado, algumas gotas de limão ou 1 colher de chá de mel. 

4. Óleo essencial de melaleuca

4 remédios caseiros para corrimento vaginal

O óleo essencial de melaleuca possui propriedades antibacteriana e antifúngicas, podendo ser utilizado para tratar a vaginite bacteriana, tricomoníase e a candidíase.

Modo de uso: para usar esse óleo essencial, é recomendado misturar 5 a 10 gotas com o óleo de amêndoas doces ou de coco e, em seguida, colocar a mistura em um paninho higiênico. Usar durante o dia para aliviar os sintomas.

Alimentação para combater o corrimento vaginal

Além do uso do banho de assento, a alimentação pode ajudar no tratamento do corrimento. Deve-se investir em alimentos como frutas, legumes e verduras, evitando ao máximo o consumo de alimentos industrializados. Os alimentos mais indicados para complementar o tratamento são o iogurte natural, a chicória, couve, couve de bruxelas, couve-flor, brócolis, limão, melão e romã.

Esse tipo de alimentação altera o pH sanguíneo e da região íntima feminina, facilitando o reequilíbrio da flora vaginal. Porém, se o corrimento persistir por mais de 3 dias, mesmo com os tratamentos caseiros, recomenda-se uma consulta médica. Entenda o significado da cor do corrimento vaginal.

Veja também mais informações sobre a cor de cada corrimento no vídeo a seguir:

Bibliografia >

  • BAERY Nasrin et al. HERBAL REMEDIES USED IN TREATMENT OF BACTERIAL VAGINITIS: A MINI-REVIEW. Indo American Journal of Pharmaceutical Sciences. 4. 11; 3830-3839, 2017
  • RAVI K et al. Psidium guajava: A review on its potential as an adjunct in treating periodontal disease. Pharmacognosy review. 8. 16; 96-100, 2014
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem