Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

Os medicamentos indicados para aliviar a dor, são os analgésicos e anti-inflamatórios, que só devem ser usados se forem recomendados pelo médico ou por um profissional de saúde. Dependendo da situação que se pretende tratar, em casos justificados, o médico pode ainda decidir associar outros remédios, como relaxantes musculares, antiespasmódicos, antidepressivos ou anticonvulsivantes, para uma maior eficácia do tratamento.

Embora os remédios de venda livre possam ser usados com orientação do farmacêutico, é sempre importante falar com o médico acerca dos sintomas dolorosos, principalmente se se prolongarem no tempo e se forem muito intensos, pois podem ser sinal de uma condição de saúde mais grave, que pode estar a ser mascarada com o uso desse tipo de medicamentos. Relativamente aos medicamentos indicados para a dor crônica, dor pós-operatória ou outros casos de dor mais severos, devem ser única e exclusivamente prescritos pelo médico.

Em casos de dor ligeira a moderada, alguns dos remédios que podem ser recomendados são:

1. Remédios para dor de garganta

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor e inflamação da garganta pode ser aliviada com os seguintes remédios:

  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina);
  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril), diclofenaco (Voltaren) ou nimesulida (Neosulida, Nimesilam);
  • Analgésicos e anestésicos locais, geralmente em forma de pastilhas de chupar, como a benzidamina (Ciflogex) o benzocaína (Neopiridin).

Estes remédios devem ser utilizados de acordo com a indicação do médico ou de acordo com a posologia da bula e, caso não exista melhora da dor de garganta após 2 dias ou surjam outros sintomas como febre e calafrios, por exemplo, é aconselhado consultar um clínico geral, ou um otorrinolaringologista, porque a dor pode estar sendo causada por uma amigdalite ou faringite, por exemplo, que podem precisar de ser tratadas com um antibiótico.

Saiba mais sobre o tratamento da dor de garganta.

2. Remédios para dor de dente

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor de dente pode surgir de forma repentina, podendo ser provocada pela presença de uma cárie, inflamação da gengiva ou um abscesso e, por isso, deve-se ir ao dentista o mais brevemente possível. Entretanto, para aliviar a dor intensa, a pessoa pode usar analgésicos, anti-inflamatórios ou anestésicos locais:

  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina);
  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril), diclofenaco (Voltaren) ou nimesulida (Neosulida, Nimesilam);
  • Anestésicos locais, geralmente em forma de spray, como a benzocaína (Neopiridin).

Além destes remédios, o dentista pode decidir fazer uma intervenção no dente e, em alguns casos, pode ainda ser necessário receitar antibióticos.

Veja formas naturais de diminuir a dor de dente.

3. Remédios para dor no ouvido

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor de ouvido deve ser sempre avaliada por um otorrinolaringologista porque, na maioria dos casos, é provocada por uma infecção dentro do canal auditivo que deve ser tratada com o uso de antibióticos e anti-inflamatórios.

Alguns dos remédios que podem ser usados para aliviar a dor são:

  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina);
  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril), diclofenaco (Voltaren) ou nimesulida (Neosulida, Nimesilam);
  • Removedores de cera em gotas, como o Cerumin, caso a dor seja causada pelo acúmulo de cera em excesso.

Veja outros remédios que podem ser indicados para a dor de ouvido.

4. Remédios para dor de estômago

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor de estômago pode ser provocada pela irritação da mucosa gástrica ou pelo excesso de comida dentro do estômago, sendo que podem ser utilizados diferentes tipos de medicamentos, dependendo dos sintomas apresentados e apenas se recomendados pelo médico:

  • Antiácidos, com hidróxido de alumínio, hidróxido de magnésio, carbonato de cálcio ou bicarbonato de sódio, como o Estomazil, Pepsamar ou Maalox;
  • Inibidores da produção de ácido, como o omeprazol, esomeprazol, lansoprazol ou pantoprazol;
  • Aceleradores do esvaziamento do estômago, como a domperidona (Motilium, Domperix) ou metoclopramida (Plasil);
  • Protetores gástricos, como o sucralfato (Sucrafilm).

Se a dor se prolongar por mais de 1 semana, deve-se ir novamente ao clínico geral ou gastroenterologista, para fazer exames de diagnóstico.

5. Remédios para dor nas costas/ muscular

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor nas costas muito frequentemente é resultante de má postura ou de excesso de treino na academia, que pode ser facilmente aliviada. Porém, em alguns casos, pode ser sinal de uma condição mais grave que deve ser vista pelo médico.

Os medicamentos que geralmente são receitados pelo médico para a dor de coluna são:

  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril), naproxeno (Flanax), diclofenaco (Voltaren) ou celecoxibe (Celebra), indicados para a dor leve a moderada;
  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina), por exemplo, indicados para a dor leve;
  • Relaxantes musculares, como o tiocolchicosídeo, cloridrato de ciclobenzaprina ou o diazepam, que também estão disponíveis em associação com analgésicos, como o Bioflex ou o Ana-flex, que ajudam a relaxar o músculo e a reduzir a dor;
  • Opioides, como a codeína e o tramadol, para a dor mais severa, sendo que, em casos muito severos, o médico pode recomendar opioides ainda mais fortes;

Além disso, em casos leves, a aplicação local de um gel ou um emplastro com anti-inflamatório, pode ser suficiente. Saiba identificar a causa da dor nas costas.

Em casos mais severos de dor crônica, e em que se justifique, o médico pode ainda receitar antidepressivos tricíclicos, como a amitriptilina, por exemplo. Em casos em que outros medicamentos não são suficientes para aliviar a dor, também pode ser necessário administrar injeções de cortisona.

6. Remédios para dor de cabeça

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

A dor de cabeça é um sintoma muito frequente, pois pode ser provocada por várias causas como febre, excesso de estresse ou cansaço, por exemplo. Alguns dos medicamentos mais utilizados para aliviar a dor de cabeça são:

  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina);
  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril) ou o ácido acetilsalicílico (Aspirina);

Embora a dor de cabeça possa melhorar após utilizar estes remédios, é recomendado consultar um clínico geral quando demora mais de 3 dias para passar, quando a dor é muito frequente ou quando surgem outros sintomas, como cansaço excessivo, dor em outros locais do corpo, aumento da febre ou confusão, por exemplo.

7. Remédios para cólicas menstruais

Remédios para os 7 tipos de dor mais comuns

As cólicas menstruais são provocadas pela contração excessiva dos órgãos reprodutores femininos ou pelo inchaço. Alguns dos remédios que podem ser utilizados são:

  • Analgésicos, como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina);
  • Anti-inflamatórios, como o ibuprofeno (Advil, Ibupril), diclofenaco (Voltaren), ácido mefenâmico (Ponstan), cetoprofeno (Profenid, Algie), naproxeno (Flanax, Naxotec);
  • Antiespasmódicos, como a escopolamina (Buscopan);
  • Anticoncepcionais hormonais, que levam também à diminuição de prostaglandinas no útero, reduzindo o fluxo menstrual e aliviando a dor. 

Veja outras dicas para diminuir as cólicas menstruais.

Bibliografia >

  • SCOTTISH DENTAL CLINICAL EFFECTIVENESS PROGRAMME . Management of Acute Dental Problems - Guidance for healthcare professionals . 2013. Disponível em: <http://www.sdcep.org.uk/wp-content/uploads/2013/03/SDCEP+MADP+Guidance+March+2013.pdf>. Acesso em 27 Nov 2019
  • INFARMED. Ibuprofeno. 2018. Disponível em: <http://app7.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=41943&tipo_doc=fi>. Acesso em 27 Nov 2019
  • LABORATÓRIO TEUTO BRASILEIRO S/A.. Paracetamol. Disponível em: <https://www.bifarma.com.br/manual/paracetamol-500mg-com-4-comprimidos-teuto-manual.pdf>. Acesso em 27 Nov 2019
  • KRKA FARMACÊUTICA, SOCIEDADE UNIPESSOAL, LDA . Naproxeno (naproxeno sódico). 2012. Disponível em: <http://app7.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=53997&tipo_doc=fi>. Acesso em 27 Nov 2019
  • FRASSON, Viviane Bortoluzzi. Dor lombar: como tratar?. OPAS/OMS – Representação Brasil. 1. 9; 2016
  • FERGUSON, Fraser. Dor lombar. 2.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.
  • GUERREIRO, Vanessa M. Abordagem da lombalgia em adultos nos cuidados de saúde primários. Tese de mestrado, 2016. Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.
  • DALL'ACQUA, Roberta; BENDLIN, Tania. Dismenorreia. FEMINA . 43. 6; 2015
  • UNIVERSIDADE ABERTA DO SUS - ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA. Caso complexo Amélia - Dismenorreia. Disponível em: <https://www.unasus.unifesp.br/biblioteca_virtual/pab/1/unidades_casos_complexos/unidade27/unidade27_ft_dismenorreia.pdf>. Acesso em 02 Jul 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem