Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Testosterona alta na mulher: como baixar e identificar

Agosto 2020

A mulher pode desconfiar que há aumento nos níveis de testosterona circulantes no sangue quando começa a apresentar sintomas tipicamente masculinos, como presença de pelos no rosto, alteração no ciclo menstrual, diminuição das mamas e voz mais grave, por exemplo.

Esses sintomas podem surgir em qualquer fase da vida da mulher, podendo ser devido a alterações ginecológicas, como presença de ovários policísticos ou câncer e ovário, ou ser consequência do uso de algum suplemento de testosterona. Assim, é importante que a mulher procure a orientação do ginecologista assim que notar alterações, pois dessa forma é possível que o médico indique a realização de exames que avaliam os níveis de testosterona circulantes.

Testosterona alta na mulher: como baixar e identificar

Sinais do excesso de testosterona na mulher

Alguns sinais que podem indicar o aumento da testosterona na mulher são: 

  • Aumento de pelos corporais, inclusive com crescimento de pelos no rosto e no peito;
  • Ausência de menstruação ou menstruação irregular;
  • Pele oleosa e aumento da acne;
  • Abortos espontâneos;
  • Queda de cabelo semelhante a calvície dos homens;
  • Mudança na voz, ficando mais grave;
  • Diminuição da mama;
  • Aumento do clitóris;
  • Alterações da ovulação, o que pode resultar em infertilidade.

A testosterona é um hormônio que embora seja, normalmente, mais alto nos homens, também é encontrada na mulher em menores quantidades. No entanto, a sua produção excessiva pode estar relacionada com a síndrome dos ovários policísticos, câncer ovariano ou hiperplasia adrenal congênita, sendo importante consultar o ginecologista para que sejam feitos exames para identificar a causa do aumento da testosterona e iniciar o tratamento adequado.

Testosterona alta na mulher: como baixar e identificar

Como identificar a testosterona alta

Para confirmar que a testosterona está aumentada na mulher além de observar o surgimento dos sinais indicativos de aumento na quantidade de testosterona, deve-se realizar um exame de sangue que indica a quantidade total do hormônio, como a dosagem de testosterona livre e total, principalmente. Os níveis de testosterona na mulher podem variar de acordo com a idade e com o laboratório em que é feita a dosagem, sendo a média entre 17,55 e 59,46 ng/dL. Veja mais informações sobre o exame da testosterona.

Além de verificar os níveis de testosterona, o médico pode indicar a realização de outros exames, como a dosagem de 17-α-hidroxiprogesterona e SDHEA, assim como a realização de alguns exames de imagem, uma vez que os sintomas apresentados podem ser também indicativos de outras alterações.

No caso de haver suspeita de que o aumentos dos níveis de testosterona é devido à presença de tumor no ovário, o médico pode indicar a realização de exames de imagem e a dosagem do marcador tumoral CA 125, que normalmente está alterado no câncer de ovário. Saiba mais sobre o exame CA 125.

Como baixar a testosterona

O tratamento para normalizar os níveis de testosterona na mulher podem incluir a diminuição ou interrupção da suplementação de testosterona, caso a mulher esteja seguindo o tratamento recomendado pelo médico, ou pode ser feito com a suplementação de hormônios femininos como o estrogênio para equilibrar os níveis hormonais na mulher. Uma boa opção é a toma da pílula anticoncepcional, de acordo com a recomendação médica, pois ajuda a diminuir os níveis de testosterona no sangue.

Também é possível diminuir esse hormônio de forma natural, tomando chá verde diariamente e adotando alimentos integrais e diminuindo o consumo de carboidratos como arroz, macarrão, batata e pão branco. Fazer exercícios regularmente e diminuir o stress diário também é importante para regular os hormônios femininos sem ter que recorrer a medicamentos. 

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem