Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Unhas fracas: o que pode ser e o que fazer

As unhas fracas e quebradiças podem acontecer como consequência do uso diário de produtos de limpeza ou devido ao hábito de roer unha, não sendo motivo de preocupação.

No entanto quando as unhas enfraquecidas são acompanhadas por outros sinais ou sintomas, como fraqueza, dor de cabeça, cabeça ou tontura, por exemplo, pode ser indicativo de problemas de saúde, como anemia, deficiências nutricionais ou alterações hormonais, por exemplo.

Por isso, caso a pessoa possua unhas bastante frágeis, é recomendado consultar o dermatologista para que sejam feitos exames que ajudem a identificar a causa e, assim, iniciar o tratamento adequado.

Unhas fracas: o que pode ser e o que fazer

1. Roer as unhas

O hábito de roer as unhas constantemente podem deixá-las mais frágeis, devido à ocorrência de microtraumas que facilitam a quebra.

O que fazer: Nesse caso é recomendado parar de roer as unhas, evitando assim os microtraumas. Uma das formas de evitar esse hábito é deixar as unhas sempre bem cortadas e lixadas, passar um esmalte que tenha um gosto amargo ou aplicar unhas postiças, por exemplo. Confira algumas dicas para parar de roer as unhas.

2. Uso de produtos de limpeza

O uso constante de produtos de limpeza sem que haja a proteção das mãos com luvas, pode ressecar a região e deixar as unhas mais frágeis. Além dos produtos de limpeza, o uso de acetona para remover o esmalte das unhas também pode favorecer o aparecimento de manchas e deixar as unhas mais frágeis.

O que fazer: Caso seja necessário usar produtos de limpeza, é recomendado que seja colocada uma luva, evitando assim o contato das mãos e das unhas com o produto. No caso da remoção do esmalte, é recomendado que seja utilizado removedor de esmalte que não tenha acetona, pois assim é possível evitar dano às unhas.

3. Alimentação pobre em nutrientes e vitaminas

Deficiências nutricionais também podem resultar em unhas fracas, principalmente se houver pouco consumo de alimentos ricos em ferro, vitamina D, zinco, selênio e vitamina B, que pode ser encontrada em carnes e ovos, por exemplo, e é responsável por manter pele, cabelo e unhas saudáveis.

O que fazer: É importante consultar o nutricionista para que seja identificada a deficiência nutricional e, assim, ser indicado um plano alimentar de acordo com a necessidade nutricional da pessoa e ajudando a fortalecer as unhas.

Unhas fracas: o que pode ser e o que fazer

4. Anemia

A anemia é umas das principais causas de unhas fracas, isso porque na anemia há diminuição da quantidade de hemoglobina circulante, o que faz com que a quantidade de oxigênio transportada para os tecidos também diminua. 

Dessa forma, como consequência da quantidade de oxigênio circulante, há não só enfraquecimento das unhas, mas também cansaço excessivo, fraqueza e falta de disposição, por exemplo. Saiba reconhecer os sintomas de anemia.

O que fazer: Caso a anemia seja confirmada por meio de exames de sangue, é importante que seja identificada a causa da anemia, pois assim o médico poderá indicar o tratamento mais eficaz, ajudando a reduzir todos os sintomas relacionados com a anemia, incluindo as unhas fracas. Veja como deve ser o tratamento para anemia.

5. Alterações na tireoide

Algumas alterações na tireoide também pode deixar as unhas mais fracas e quebradiças. No caso do hipotireoidismo, é verificada diminuição do metabolismo e diminuição do transporte de nutrientes paro o corpo, tornando as unhas mais frágeis.

Já no caso do hipertireoidismo, há aumento na produção de hormônios tireoidianos, o que estimula o crescimento das unhas, porém são bastante frágeis.

O que fazer: Nesse caso é importante que o tratamento seja feito de acordo a recomendação do endocrinologista, que poderá indicar a reposição dos hormônios tireoidianos no caso do hipotireoidismo, ou uso de remédios que regulam a produção dos hormônios tireoidianos no caso do hipertireoidismo.

6. Doenças dermatológicas

Algumas doenças dermatológicas, principalmente quando causadas por fungos, podem deixar as unhas fracas e quebradiças, além de alterar seu aspecto, deixando escamosa. Nesses casos é importante ir ao dermatologista para que seja feito o diagnóstico e possa ser tratada a doença.

O que fazer: Caso seja verificado que a alteração na unha é devido à presença de fungos, é importante que o tratamento seja feito de acordo com a recomendação do dermatologista, sendo normalmente indicado o uso de pomadas ou cremes antifúngicos. Veja como deve ser o tratamento para a infecção na unha causada por fungo.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem